Dicas e conselhos sobre casa e Decoração

Decorações


Arquivo da ‘Decoração ambientes’


Celeiro de ideias 0

Escrito el 19 junho, 2013 por admin

Ver a expansão da presença brasileira em Milão é sempre uma emoção e um incentivo para todos nós. O Brazil S/A, assim como outras parcerias, representou bem a riqueza criativa do nosso povo tropical, que provou estar crescendo não só economicamente, mas na arte, sempre com criatividade e ousadia em estilo, formas, cores e design.

O que me despertou a atenção foi a diversidade de trabalhos expostos na Zona de Lambrate, pelo valor histórico do próprio lugar, e o mix entre o melhor da vanguarda do design e o espaço aberto para novos designers. Tudo foi um grande espetáculo: do sofá criado a partir de feixes de bambu em duas placas vazadas de madeira – do designer holandês Remi Gerritsen – à cadeira de néon na entrada da exposição individual do inglês Lee Broom. A Zona Tortona, sempre uma sensação, ofereceu de tudo um pouco. Essa atmosfera contemporânea e conceituai estava incrível para nós, profissionais e amantes de interiores em geral.

Milão, que já me é familiar, tornou-se ainda mais excitante este ano por conta do resultado de mais um dos projetos de que participo. O Club Heineken foi uma grande surpresa, além da oportunidade para compartilhar minha visão e criatividade com excelentes profissionais. Do brainstorm à concepção das idéias, troquei variados conhecimentos em nosso eclético grupo. No final, a casa noturna ficou linda, repleta de tecnologia, curvas, luzes, projeções, personalidade e estilo.

Além disso, o Salão trouxe toda a cultura do cenário italiano, com novidades de design de interiores, tendências e arquiteturas ousadas do mundo todo. Da preparação ao fim, a viagem foi encantadora e de grande proveito para futuros projetos e parcerias no mercado de decoração. Voltei carregada de novos conhecimentos, contatos e novas idéias para aplicar nos projetos que me aguardam aqui no Brasil.

Compartilhe no:
  • Orkut

Cores e apelo vintage 0

Escrito el 17 junho, 2013 por admin

Acrise realmente balançou o Salão do Móvel de Milão. As empresas foram cuidadosas nos lançamentos, sem muitas novidades. Mas existe, claramente, a retomada da vontade de fazer design, o que movimentou a Itália a partir dos anos 1950. A vontade de sair da mesmice e das linhas retas – que marcaram exaustivamente os últimos anos -motivou o design com apelo vintage. Móveis trouxeram a leitura retro em escrivaninhas de madeira com pés palito.

A inovação aconteceu em diferentes materiais e cores. Tons pastel, sóbrios e terrosos predominaram. Bege, cinza e grafite convivendo com variações de terracota, azul-índigo, petróleo, roxo… Entre tonalidades sóbrias, vale destacar o “greige” inventado pela Armani: um misto de “grigio” e “beige” (cinza e bege em português). Também vi peças com tons delicados, como lilás, verde-água, azul-claro e areia. O brilho diminuiu. Já a laca fosca ganhou espaço.
É interessante observar a valorização da madeira. Grandes empresas italianas tentam retomar o valor artesanal da madeira maciça, perdido nos anos 1990, com o aumento do uso de painéis revestidos, plásticos e acrílicos. Cresceu o uso do material natural, com acabamento fosco, aparentemente sem verniz. A agradável sensação de toque, dada pela madeira natural, foi o ponto de partida para muitos produtos. O acabamento “noce” (nogueira) voltou com força.

Houve mistura de ferro e madeira em mesas, escrivaninhas, cadeiras e sofás. Ferro fosco em tons grafite, bronze e fumê. Na Misura Emme, por exemplo, closets mesclam o ferro escuro, a madeira e o vidro, dando transparência. Na Minotti, a leveza dos bufês alongados, com pés altos de metal, chamou a atenção. Prevaleceram móveis altos, fechados, usados como bar ou estante. Nos móveis de madeira, tons sóbrios; nos estofados, matizes de azul e verde, mas não muito vibrantes. A necessidade de valorizar o toque foi marcante nos estofados, privilegiou revestimentos de feltro. Apesar da crise européia, é sempre bom ver a riqueza e beleza de tantos produtos diferentes.

Compartilhe no:
  • Orkut

Beleza, forma e função 0

Escrito el 15 junho, 2013 por admin

Há alguns anos, o Salone Internazionale dei Mobile em Milão dá sinais do reflexo da crise européia. Porém, este ano, ela estava visivelmente presente. As empresas apresentaram poucos lançamentos. A Edra, por exemplo, trouxe a releitura da cadeira Vermelha (1998) dos Irmãos Campanas, do sofá Flap (2000), de Francesco Binfareé, e do sofá Boa (2002), também dos Irmãos Campanas. O lançamento ficou por conta do armário Bois, de Rose de Máximo Morozzi. A Kartell dividiu o estande em pequenos ambientes, onde cada espaço fazia referência a um designer parceiro da empresa. Nesses espaços eram retratados a história entre o designer e a empresa, por meio dos projetos de peças desenvolvidas.

Com muita criatividade e ousadia, o destaque na Vitra ficou por conta do próprio estande, que estava lindo! Para montar a estrutura, foram utilizadas caixas organizadoras de plástico translúcido, que, sobrepostas, chegavam no mínimo a uns 4 m de altura e diversas larguras, ultrapassando, algumas vezes, os 10 m. Nesse caso, a iluminação fez toda a diferença, pois as caixas retroiluminadas eram de uma sutileza absurda em uma estrutura grandiosa.

Como em todo momento de crise, é a hora de os estandes menores ganharem destaque. Na Campeggi, empresa italiana, a estante Tic Tac, do designer Samurai Adachi, transformava-se em chaise e chamava a atenção. A Offectt, empresa sueca, trouxe a cadeira Moment, de Khodi Feiz, e o Smallroom, de Ineke Hans. Já na italiana Rossi di Albizzate, cores e fluidez no mobiliário conferiram graça ao Salão. Na Thut Mòbel, a mesa dobrável chamada Drehklapp mostrava a real função do que para mim é o design: beleza, funcionalidade e praticidade. Tomara que essa crise termine logo para que possamos novamente perder o fôlego.

Compartilhe no:
  • Orkut

Os melhores do décor 0

Escrito el 05 junho, 2013 por admin

A segunda edição da Hyundai Mostra Black acontece até o dia 24 de junho, na capital paulista, e conta com renomados nomes nacionais da arquitetura, do design e do paisagismo em ambientes de uma casa modernista localizada no Alto de Pinheiros.

Compartilhe no:
  • Orkut

O requinte das festas 0

Escrito el 03 junho, 2013 por admin

A arquiteta e decoradora Teresinha Nigri lança o livro “Teresinha Nigri Festas”, publicado pela Victoria Books, com vinte glamourosas recepções. As festas são um espetáculo à parte, recepcionando mais de mil pessoas. Metade do valor da venda dos livros irá para o Projeto Felicidade, que apoia crianças com câncer.

Compartilhe no:
  • Orkut

Homenagem merecida 0

Escrito el 01 junho, 2013 por admin

A arquiteta e jornalista Olga Krell ganhou um ambiente que leva seu nome na Itu Casa De-cor 2013. A homenagem reconhece a longa carreira de Olga, admirada e respeitada não só pelo mercado de arquitetura e decoração, mas também pela sociedade em geral. A mostra vai até o dia 17 de junho.

Compartilhe no:
  • Orkut

Arte no ambiente doméstico 0

Escrito el 07 fevereiro, 2013 por admin

Mister Hulot, o tal do tio interpretado pelo próprio Tati, representa a informalidade e de certo modo a simplicidade, provando que o “menos” é mesmo mais que suficiente. A vida, definitivamente, imita a arte.

Compartilhe no:
  • Orkut

Decoração confortável apartamento 0

Escrito el 08 novembro, 2012 por admin

Reformado, este apartamento de 90 m2 ganhou uma sala maior. Mas nem por isso a moradora atulhou cada centímetro do ambiente: espaço livre era fundamental para ela, que sempre quis morar numa casa. Ao definir a decoração, os arquitetos privilegiaram os cantos e as paredes, projetaram a marcenaria e encomendaram alguns móveis sob medida. Precisão de cálculos que trabalhou em nome do conforto.

Compartilhe no:
  • Orkut

Na sala, o potpourri dá o tom 0

Escrito el 25 setembro, 2012 por admin

A aromaterapeuta Fátima ensina: coloque no forno pré-aquecido pétalas de flores sobre uma folha de papel absorvente. Deixe secar por uns 40 minutos, abrindo e fechando para controlar o resultado elas devem perder a água, sem ficar crocantes. Arrume num recipiente (nunca de metal, nem de plástico) e pingue 5 gotas de óleo essencial de lavanda, 3 de rosas e 2 de gerânio. A parte, tire uma lasquinha de pedra de benjoin, dilua em álcool e acrescente 3 gotas para fixar o aroma, que pode durar até 20 dias.

Compartilhe no:
  • Orkut

Decoração contemporânea para os quartos 0

Escrito el 05 setembro, 2012 por admin

O terceiro andar foi reservado para os quartos. Além da suíte de João e Cristina, cada filho Thiago, Júlia e Isabela tem seu cantinho particular. A atmosfera da decoração continua contemporânea. Como em quase todos os trabalhos assinados por João Armentano, há simetria na distribuição de móveis e objetos e suficiente ecletismo para casar estilos, sem se prender a qualquer linha de tempo.

Compartilhe no:
  • Orkut


↑ Top